Search

Por que existem muitos terremotos no Japão?


O Japão sempre foi conhecido pelo mundo inteiro por ser um país fascinante por natureza e pelas culturas que aguardam seus visitantes, mas ao mesmo tempo é lembrado por guardar em sua memória as lamentáveis tragédias causadas pela natureza.


A explicação fundamental e óbvia para responder esta pergunta é que a Terra do Sol Nascente está situado no centro do Círculo de Fogo do Pacífico, onde são reunidos várias partes finais de placas tectônicas que se movem e colidem um (ou até uns) com o outro (com os outros), causando assim o tremor.


Geralmente, o Japão registra mais de 1000 terremotos todo o ano, porém quase toda a maioria dos tremores, o residente nem sente. Porém, os demais, são sentidos e as vezes, dependendo da magnitude, é capaz de trazer danos catastróficos, como em 2011, onde faremos uma matéria sobre o ocorrido em breve.


Uma professora de japonês escreveu em seu blog em 2012 sobre como os japoneses reagem a fortes tremores: "Os japoneses estão acostumados a se levantarem de madrugada com tremores de até 4 graus, mas passando disso, já assusta."


Um dos maiores terremotos antes de 2011 ocorreu por volta de 1707, onde um terremoto de 8.6 foi registrado dizimando entre 5 a 20 mil pessoas, seguidamente por um grande tsunami. Mais de 1 mês e meio depois, as sequelas do desastre desencadeou uma erupção no Monte Fuji.


Atualmente os residentes no Japão se preparam para tomar precauções e evitar o maior número de danos possíveis. Emissoras de TV e Rádio, além de sites e aplicativos na internet, permitem que você saiba que um terremoto vai acontecer em até 1 minuto antes do início.


No mês de Setembro, em memória do Grande Sismo de Kanagawa, ocorrido em 1923, os japoneses se reúnem para tomar conhecimento sobre precauções e medidas que devem ser tomadas antes que o terremoto ocorra de fato.


O dia 1º de setembro foi fixado como a data nacional de prevenção contra desastres naturais no Japão. É quando o governo de Tóquio costuma promover um treinamento de grande escala envolvendo civis e corpos de bombeiros. A população é orientada sobre como sair dos edifícios e como se proteger dentro de casa durante o ato sísmico.


10 views